Fatores que fazem fracassar as dietas

Fracasso dietas. Erros nas dietas. Alimentação saudável

Neste artigo faremos uma revisão dos erros e fatores mais comuns que podem fazer fracassar a tua dieta, inclusive antes de começar. Na Dieta Coerente somos partidários de melhorar os hábitos alimentares de forma compatível com a vida laboral e social para que a alimentação seja fonte de vitalidade e que some, não subtraia à pessoa.

Qualquer proposta demasiada restritiva em calorias ou macronutrientes, com alimentos proibidos ou muito monótona, está destinada ao fracasso.

As primeiras horas ao começar uma dieta são estupendas, sentes-te animad@ com a sensação de que podes com tudo, achas que desta vez é a definitiva e que ninguém te vai parar. É tão claro que te visualizas com aquelas calças que faz tempo que não te entram ou com aquele fato de banho que adoravas e que faz um par de verões que não podes vestir. Então o que será que faz com que fracasses uma e outra vez?


Como começar uma dieta sem fracassar

Passo 1: Define um objetivo SMART

O primeiro que deves focar é que queres conseguir e em quanto tempo. Tenta focar a tua energia em um só objetivo SMART que por suposto deve ser realista e alcançável.

Propuseste-te vários objetivos demasiado ambiciosos ou pouco realistas? Este fator pode fazer fracassar a tua dieta.

Quando tomas a decisão de perder peso é melhor que o planifiques com tempo e que fixes metas nas quais vais introduzindo mudanças graduais nos teus hábitos alimentares e de atividade física.

Passo 2: Retroalimenta o teu autocontrolo

O segundo é refletir porque e para que queres conseguir este objetivo. Tenta formular sempre as tuas metas positivamente, por exemplo, para me ver melhor, me sentir mais segur@ de mim mesmo ,me provar que posso conseguir o que me proponho, etc.

O Autocontrolo pode-se definir como a capacidade de resistir às tentações a curto prazo para cumprir as metas a longo prazo. Ao ires avançando no teu processo de mudança de hábitos, o teu grau de autocontrolo e força de vontade irá aumentar.

Passo 3: Vence a resistência à mudança

Toda a mudança requer um esforço e a motivação suficiente para sair da nossa zona de conforto.

Uma vez que temos um objetivo smart e estamos motivados a melhorar os nossos hábitos, é necessário vencer também a procrastinação, que supõe o adiamento de uma tarefa por considerá-la chata/cansativa, inoportuna ou porque temos outras mais confortáveis, agradáveis e gratificantes.

Passo 4: Monitoriza os teus lucros

Põe por escrito o objetivo smart e os teus bons propósitos desde o primeiro dia para ir repassando com certa periodicidade os lucros com frases que retroalimentem a tua motivação: levo já x dias cuidando da minha alimentação e fazendo exercício.

Passo 5: Vence os fatores que fazem fracassar a tua dieta

Pressão social

Decidiste fazer a dieta ou te viste obrigad@ (pelo teu companheir@, familiares, amigos)? Um dos maiores erros é iniciar o processo sem pleno convencimento. Podes estar muito decidid@ para emagracer depois de um comentário pouco positivo numa reunião com um grupo de conhecidos, mas isso não é mais que o resultado de estar zangado ou com frustração, não de uma verdadeira motivação. Não deixes que a pressão externa leve a  decidir começar uma dieta se não é o que realmente queres.


Stress

Quando estás stressado ou tens algum problema, estás a desejar chegar a casa e comer aquele bolo de chocolate que tanto gostas. Às vezes confundimos o apetite emocional com fome e resolvemos os nossos problemas comendo, casualmente, produtos com alto conteúdo calórico.

O motivo pelo qual desejas tanto esse bolo é porque desde que eras pequen@, te acostumaste a comer doce ou chocolate quando estavas triste como bálsamo emocional. O açúcar ativa as zonas de recompensa cerebrais tal como  as drogas, pelo que gera um grande vício.


Sê mais empático contigo mesmo

De vez em quando dá-te um capricho e desfruta-o. Comer bem é compatível com desfrutar da vida social e deves comer de tudo com moderação.

Além disso as refeições sociais ajudam a gerir melhor o stress e melhoram a qualidade de vida. Não se passa nada se num dia comes um pouco de chocolate, ou tomas uns vinhos com os amigos.

Além disso, uma recaída não supõe um fracasso, não serias humano se após anos sucumbindo aos desejos, deixasses de os ter por arte de magica. O truque está na moderação e outra vez no autocontrolo.


A culpa engorda

Já tens o chocolate na tua boca mas começas a te sentir mal porque não pudeste resistir? Pois não o faças, lembra-te: ÉS HUMANO, de modo que não te martirizes e adeus às culpas.

E mais, aproveita esse momento, saboreia-o e desfruta tudo o que possas. Os remorsos também engordam.

O que não deves fazer é  comer uma tablete de chocolate sem parar, coloca um limite antes de começar, dois quadrados, uma bolacha: não se trata do tudo ou nada.

Recupera os bons hábitos o quanto antes possível, o teu corpo não te culpabiliza por um excesso pontual mas sim pelo balanço de toda a semana.

Levar uma Dieta Coerente é fácil, não tens mais que decidir e verás como aprender a comer bem com uma dieta saudável e equilibrada fará com que te sintas melhor contigo mesmo. Com as nossas dicas não irás fracassar a tua dieta.

Se tens alguma pergunta não duvides em deixar um comentário e o teu Nutricionista On-line te ajudará a neutralizar os fatores que podem fazer fracassar a tua dieta.

Se queres saber mais conselhos sobre este e outros assuntos segue-nos nas nossas redes sociais Facebook,  Instagram ou no nosso canal do YouTube.

×
Consulta de Nutrição Online